Bolsonaro acaba com sigilo bancário em operações envolvendo bancos públicos

Conforme noticiado pelo República de Curitiba, logo no começo do mandato, Bolsonaro anunciou que faria uma gestão transparente e eficiente, conectada com aquilo prometido em campanha.

Na tradicional live de quinta-feira, o presidente anunciou o fim do sigilo bancário em operações que envolvam recursos públicos federais.

O texto foi elaborado pelo Advogado Geral da União, e a partir de agora, para emprestar dinheiro para Cuba, como fez as gestões criminosas do PT no BNDES, será preciso prestar contas. Ou seja, a mamata acabou.

Com informações do Terça Livre.

 

2 Comentários em Bolsonaro acaba com sigilo bancário em operações envolvendo bancos públicos

Deixe uma resposta