Esquerdistas se revoltam com a volta do hino nos colégios

O ministro da Educação, Ricardo Vélez, pediu que as escolas enviem vídeos dos alunos cantando o Hino Nacional ao Ministério, a ideia é trazer de volta uma prática há muito abandonada, principalmente pelas gestões petistas, que acabaram com as noções e incentivos patrióticos na vida escolar.

O fato é que os esquerdistas não gostaram da medida, e diversas mensagens negativas foram divulgadas em redes sociais.

Tem até quem tenha esquecido que o PT governou o Brasil por quase quatro mandatos, tem gente que votou no Haddad – que foi ministro da Educação –  e agora cobra soluções para problemas que antes foram ignorados.

Em resposta às manifestações contrárias dos esquerdistas, três hashtags  estão dominando o Twitter. “HinoNacionalSim”, “HinoNacionalNasEscolas” seguem em primeiro e segundo lugar e “CantaSeuHinoBrasil” segue em quarto lugar.

 

10 Comentários em Esquerdistas se revoltam com a volta do hino nos colégios

  1. A 60 anos atrás eu estudava no Grupo escolar Alexandre de Melo e Faro em São Vicente Santos Sao Paulo, todos os dias cantávamos formados frente a bandeira do Brasil o hino nacional brasileiro, estou vivo saudável e muito honrado.Quem for contra que vá morar fora do Brasil.

  2. Crianças perfiladas frente à bandeira, cantando o hino…sim, na Coreia do Norte, na China, em Cuba.Contudo, nem lá as escolas enviam vídeos dos alunos.

    ‘Escola sem partido’ mesmo “…deus acima de todos”/evangelização forçada.

    «Entretanto a ONU lança guia sobre como explicar o que é Estado de Direito para crianças e adolescentes (fica em falta, no Brasil, para Adultos/as) »

    A UNESCO – Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura em conjunto com UNODC lançaram nesta semana (20 de fevereiro) um guia para formuladores de políticas sobre qual é o papel das instituições de ensino na consolidação do Estado de Direito.

    Publicação apresenta orientações para gestores e educadores que queiram trabalhar temas de justiça, direitos humanos e combate à corrupção com estudantes dos ensinos fundamental e médio.

    A UNESCO e a UNODC,lembram que o Estado de Direito é o fundamento de sociedades justas e inclusivas. “Ele obriga as instituições a prestar contas, a proteger os direitos humanos, a serem justas e transparentes e a dar aos cidadãos os meios de participar de maneira construtiva da sociedade”, afirmaram os chefes da UNESCO e do UNODC.

    O guia traz recomendações e exemplos de boas práticas sobre como o setor da educação pode ajudar as crianças e os jovens a se tornarem cidadãos engajados e tomarem decisões eticamente responsáveis em suas vidas cotidianas. As sugestões também visam mostrar para os estudantes como é possível agir com empatia e respeito pelos outros.

    https://nacoesunidas.org/onu-lanca-guia-sobre-como-explicar-o-que-e-estado-de-direito-para-criancas-e-adolescentes/?fbclid=IwAR1Ot1zP1yfFHW2UTBTL0HFUnfQ8CSHDvJ0JQo8vkzwSV4hAsjEH4S6i9tY

  3. Esses miseráveis da esquerda só querem que o hino seja cantado quando a seleção da corrupcao, da roubalheira, do assalto aos cofres públicos da famigerada CBFaudres jogar. Facções criminosas como os PTralhas, PCC, PSOLixeira, CV, PCdosBurros, TCP não querem um povo livre e sim escravizados por esses malditos.

  4. Acho extremamente necessário o hino nacional nas escolas porque acredito ser uma das obrigações básicas do cidadão para queceste possa adquirir um pouco de patriotismo. É também necessário que retornem com as matérias OSPB e Educação Moral e Cívica que a esquerda imunda e doente retirou do ensino médio. Esses dementes preferem transformar os estudantes de todos os níveis, principalmente os de nível superior para usá-los como massacd manobra, o que realmente aconteceu pós regime militar. Cambada de apátridas, dementes e canalhas.

    Quem não gosta do hino e acha que é doutrinação só pode vir evuma cabeça doentia desses famigerados que sofrerão lavagem cerebral ou simplesmente já nasceu idiota sem noção da realidade e com una visão totalmente distorcida, o inverso do senso comum das pessoas de bem, dotadas de caráter, lealdade com a sua pátria, dignidade e bons princípios.

    O Marxismo, Leninismo, Gramcismo, Stalinismo, Castrismo e todas as teorias doentias criadas por esses insanos é certamente um vírus que corrói o cérebro do indivíduo que já nasceu com uma fraqueza espiritual, emocional e miopia intelectual. Pessoas frágeis de caráter e fáceis de serem contaminados por essa doença hostil. Ainda bem que a maioria das pessoas do mundo inteiro estão alertas. Procurem saber sobre a Nova Ordem Mundial. É estarrecedor e não é teoria da conspiração criada por lunáticos. É o mundo atual em que vivemos.

Deixe uma resposta