Augusto Nunes dispara: “A minoria derrotada não admite ver o país governado por quem ganhou a eleição”

Augusto Nunes

O jornalista Augusto Nunes, da Record, fez uma análise crítica sobre os pedidos de impeachment repetitivos que o Supremo Tribunal Federal (STF) e a presidência da Câmara não param de receber desde a eleição do presidente Jair Bolsonaro.

Relacionados:  Indústria no país tem terceira alta seguida e avança 0,8% em outubro

“Para os inimigos de Bolsonaro, democracia é um regime em que a minoria derrotada não admite ver o país governado por quem ganhou a eleição”, disse.

Assista: