André Mendonça é confirmado como Ministro da Justiça

Bolsonaro anunciou oficialmente na madrugada desta terça-feira (28) o advogado André Luiz Mendonça, atual titular da Advocacia-Geral da União como novo ministro da Justiça. Também foi confirmado que Alexandre Ramagem, atual diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) como diretor-geral da Polícia Federal (PF), destaca o G1.

Jose Levi Mello do Amaral Júnior assume o cargo de Advogado-Geral da União.

As mudanças ocorrem após a saída do ex-ministro Sergio Moro e do ex-diretor-geral Maurício Valeixo. Moro decidiu deixar o governo depois de Bolsonaro decidir exonerar Valeixo do comando da PF.

André Mendonça é pastor na Igreja Presbiteriana Esperança, em Brasília, e pós-graduado em direito pela Universidade de Brasília (UnB).

Relacionados:  Sergio Moro defende penitenciárias onde 100% dos presos trabalhem

Antes de assumir o cargo de ministro da AGU, Mendonça atuou como corregedor-geral do órgão, entre 2016 e 2018.

Em 2011, o agora Minustro venceu, na categoria especial, o Prêmio Innovare, que identifica e divulga as melhores práticas exercidas no âmbito do Poder Judiciário, por idealizar e coordenar um grupo dedicado à recuperação de ativos desviados em casos de corrupção, que recuperou bilhões de reais aos cofres públicos.