“Se preciso, daremos a vida para manter a democracia”, diz Bolsonaro

O Presidente da República, Jair Bolsonaro afirmou hoje, em uma cerimônia militar em Minas Gerais, que os integrantes das Forças Armadas estão dispostos a dar suas vidas para defender a democracia e a liberdade, como já fizeram no passado, registra O Globo.

No evento solene pela formatura de Sargentos do Exército Brasileiro que ocorreu na cidade de Três Corações, o presidente lembrou um dos militares brasileiros mortos na Segunda Guerra e o tomou como exemplo para os novatos.

“No passado nós lutamos por democracia e pela liberdade, e no futuro, se preciso for, daremos a nossa vida para que essa democracia e a liberdade nunca deixem de existir entre nós.”

Bolsonaro também comentou lembrou a tropa sobe o momento conturbado que o nosso continente atravessa:

“A América do Sul, no momento, ainda vive, alguns países, momentos de crise, mas nós venceremos tudo isso, pela gratidão, pelo sentimento de irmandade que existe entre nós da América do Sul. Nós brasileiros só estaremos felizes quando todos os países da América do Sul, o seu povo também gozar de liberdade e democracia”, disse o presidente.