Ditador da Venezuela comemora soltura de Lula: “Compartilhamos este momento de felicidade”

O Ditador venezuelano, Nicolás Maduro, comemorou a soltura do companheiro Lula, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro.

Maduro classificou o ex-presidente do Brasil como um “líder humanista, antineoliberal e mundial”.

Em discurso na televisão venezuelana, Maduro declarou:

“O povo venezuelano está feliz e saúda a libertação de Lula. Compartilhamos este momento de felicidade.”

Segundo a EFE, Maduro aplaudiu e gritou várias vezes “viva Lula” no palácio presidencial de Miraflores:

“A América do Sul está se mexendo, uma nova onda de povos livres se levanta. O importante é ter povos mobilizados.”