Supremo pode acionar PGR para validar mensagens hackeadas da Lava Jato

Segundo o Jornal Folha de São Paulo, O STF, através de Gilmar, irá acionar a PGR (Procuradoria-Geral da República) para autenticar arquivos roubados de procuradores da Lava Jato. Outros integrantes do STF apoiam o movimento de Gilmar nos bastidores.

Se a apuração atestar oficialmente a veracidade das mensagens, estas poderão ser usadas em processos com eventuais impactos sobre decisões judiciais e agentes públicos que atuaram na Lava Jato. Em tese provas obtidas de forma ilícita não poderiam ser usadas em tribunais, mas com um clima de insegurança jurídica hoje no país, não se pode prever o que irá acontecer resultante dos diálogos vazados.

A PGR poderá receber o material do STF, que requisitou as mensagens à Polícia Federal, ou da polícia, responsável pela investigação sobre o caso.

Com informações da Folha