Após visita de Bolsonaro, Fundo bilionário dos Emirados diz que vai elevar investimentos no Brasil

Segundo o jornal GauchaZH, O vice-presidente executivo do grupo Mubadala, Waleed Al Muhairi, disse que o fundo soberano deve elevar seus investimentos no Brasil na próxima década.

A afirmação foi feita durante painel que discutiu a possibilidade de os Emirados serem uma porta de entrada para o acesso do Brasil ao mercado regional e oportunidades de infraestrutura em Abu Dhabi.

Um dos dois grandes fundos soberanos dos Emirados Árabes Unidos, o Mubadala entrou no Brasil em 2011 em negócios como o Porto Sudeste, em Itaguaí (RJ).

Neste ano, participou do consórcio que comprou da Odebrecht a concessionária Rota das Bandeiras (da rodovia paulista Dom Pedro 1º, que liga o Vale do Paraíba a Campinas).

Outra tentativa foi a de obter o controle da Invepar, que investe em rodovias, mobilidade urbana e aeroportos, como o de Guarulhos, de maior movimentação no Brasil. O Mubadala fez um empréstimo-ponte para a companhia e tem enfrentado problemas com o negócio.

Relacionados:  Bolsonaro sanciona lei que libera crédito com juro baixo para micro e pequenas empresas

“Mas isso [a hesitação brasileira] pode melhorar. Estamos aqui como amigos. Vemos o Brasil como uma economia em crescimento. Será um dos principais destintos para o Mubadala nos próximos de 5 a 10 anos”, disse Al Muhairi no evento, promovido pela Apex.

Fonte: GauchaZH