Jornalista detona: “Quem bloqueia via pública na marra e impede trabalhador de trabalhar é caso de polícia.”

Manifestação contra a reforma da Previdência em maio deste ano

O jornalista Guilherme Fiuza usou o Twitter para pedir que as autoridades tomem uma atitude para com os mandos e desmandos dos esquerdistas na última sexta-feira.

“Brasil, você vai reagir contra esses mortadelaços ou vai virar um eterno refém dos parasitas? Autoridades, saiam do armário! Quem bloqueia via pública na marra e impede trabalhador de trabalhar é caso de polícia.”

Na ocasião, diversos relatos de trabalhadores que foram impedidos de trabalhar, cidadãos foram impedidos de ir e vir, e o motivo é uma greve com motivos político-partidários e financiada pela esquerda.

 

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

3 Comentários em Jornalista detona: “Quem bloqueia via pública na marra e impede trabalhador de trabalhar é caso de polícia.”

Deixe uma resposta