Jair Bolsonaro sobre decreto de armas: “Cobrem os senadores do seu Estado”

O Presidente Jair Bolsonaro usou o Twitter para comentar a situação atual do decreto que flexibiliza o porte de armas.

“A CCJ do Senado decidiu revogar nossos decretos sobre CACs e posse de armas de fogo. Na terça (18), o PL será votado no plenário. Caso aprovado, perdem os CACs e os bons cidadãos, que dificilmente terão direito de comprar legalmente suas armas. Cobrem os senadores do seu Estado”, disse o Presidente.

Se os brasileiros querem, de fato, possuir o direito de defesa, pressionar os parlamentares é o caminho mais fácil.

3 Comentários em Jair Bolsonaro sobre decreto de armas: “Cobrem os senadores do seu Estado”

  1. Todo tirano que pretende implantar um regime ditatorial, a primeira providência é desarmar o povo. O canalha vagabundo Lula fez isso e os seus comparsas vão manter essa situação.

    É caso de uma investigação e a ABIN poderia fazer esse trabalho.

  2. Senhores Senadores vocês trairam o desejo do povo votando contra o decreto das armas!!! Cidadão de bem só pode ter arma para defender-se em sua residência,se comprada de contrabandistas e traficantes?!

Deixe uma resposta