Advogado esquerdista desacata a PM e é preso em plena manifestação

O advogado Ramiro Goulart acabou desacatando a Polícia Militar no estado do Rio Grande do Sul, durante a greve proposta pelo PT ontem.

Após surtar e passar um sermão na polícia, ele os chamou de “cambada de cachorros”, o que configura desacato e fez com que os policias saíssem de suas posições pacíficas para efetuar a prisão do militante.

Relacionados:  Sindicatos pagarão R$ 2,47 milhões em multas por greve na Petrobras

Assista: