Moro dispara: “Que me perdoem os políticos, mas caixa dois é trapaça”

O ministro da Justiça, Sergio Moro, aproveitou o encontro com advogados em São Paulo e bateu firme contra as práticas comuns ilegais dos políticos.

“Que me perdoem os políticos, mas caixa dois é trapaça. Tudo bem, não é tão grave como a corrupção, que tem contrapartida, mas ainda assim tem que ser criminalizado” afirmou Moro.

Relacionados:  Nas mãos de Moro, relatórios do COAF aumentaram 25%

Para Moro, ainda, a corrupção “mina a capacidade de investimento do Estado”.

Informação do Antagonista.