Lava Jato defende que indulto não seja aplicado em crimes de corrupção

A Força-tarefa da Lava Jato, que faz parte do Ministério Público Federal, enviou um documento ao Conselho Nacional de Política Penitenciária e Criminal, CNPCP, pedindo que o indulto natalino não seja aplicado em condenados por corrupção.

O fundamento do pedido é baseado na experiência, quando diversos condenados da operação Lava Jato e outras que tratam de crimes de corrupção.

Deltan Dallagnol afirmou preocupado que “Depois do decreto de Temer, que perdoava 80% das penas de corrupção, no ano passado (suspenso pelo Ministro Barroso), temos medo do que vem por aí depois das eleições”

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta