Arthur Lira acaba com os planos da esquerda, descarta ‘impeachment’ e diz que CPI ‘é um erro’

O deputado federal Arthur Lira (PP – AL), atual presidente da Câmara dos Deputados, criticou a maneira com que a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid vem tocando os trabalhos. De acordo com Lira, a comissão deverá angariar nenhum resultado concreto.

Em uma entrevista concedida ao jornal O Globo, o Liradeclarou:

“Neste momento, a CPI é um erro. A guerra está no meio. Como é que você vai apurar crime de guerra no meio da guerra? Como vai dizer qual é o certo? Até dois meses atrás, o Chile era a nossa referência. Como está hoje? Por que está desse jeito se já vacinou 60%, 70%? No combate à pandemia, não tem receita de bolo pronta. Você não sabe qual variante [predomina], se fica ou sai de lockdown. A CPI polarizou politicamente e não vai trazer efeito algum, a não ser que pegue alguma coisa”, disse ele.

Ao ser perguntado sobre uma possibilidade de acato de algum pedidos de impeachment feitos pela esquerda contra o presidente da República, o parlamentar descartou tal hipótese.

“Não é por aí. A minha função no impeachment é de neutralidade. Não sou eu que faço o impeachment. Você quer dizer que o presidente Bolsonaro não tem voto na Câmara para segurar um pedido de impeachment? Que ele não tem base de apoio popular para se contrapor a um pedido de impeachment? Então, o que é que estão querendo? Que eu desorganize o país, que eu comece uma conflagração de 122 votos que querem contra 347 que não querem? Vocês querem testar? O que a população quer é testar? Acha que é o caminho? Vamos testar. O que eu estou dizendo é que o impeachment é feito com circunstâncias, com uma política fiscal desorganizada, uma política econômica troncha. O impeachment é político”, disse.

Na visão do presidente da Câmara, ‘faltam um conjunto de coisas’ para que um eventual impedimento do Chefe do Poder Executivo seja aprovado.

“Falta um conjunto de coisas. Enquanto a economia estiver em crescimento… Veja bem, não estou faltando com respeito a nenhuma vítima [da covid-19]. 499 mil, 501 mil, são todas significativas como uma vida. Pelo amor de Deus! O que estou dizendo é que o impeachment não é feito só disso.”, disse ele.

O artigo Arthur Lira acaba com os planos da esquerda, descarta ‘impeachment’ e diz que CPI ‘é um erro’ foi publicado originalmente em Folha da República.