Lula pede impeachment de Bolsonaro por se negar a comprar vacina chinesa

Lula e Bolsonaro

O ex-presidente Lula, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, afirmou nesta quinta-feira (22) no Twitter que Jair Bolsonaro cometeu um crime de responsabilidade passível de impeachment ao dizer que não vai comprar a vacina chinesa contra a covid-19.

Ontem, Bolsonaro disse que não comprará a vacina chinesa CoronaVac.

Relacionados:  Sobre nomeação ao STF, Bolsonaro manda recado: “Ou vocês confiam em mim, ou não confiam!”

“Se Bolsonaro não acredita na eficácia da vacina, ele que não tome. Mas o papel de um presidente da República é possibilitar que o povo tenha a vacina a sua disposição. Se faltava crime de responsabilidade, essa foi a maior irresponsabilidade de um presidente que já vi”, concluiu Lula, defendendo a vacina chinesa para os brasileiros.