Sergio Moro: “Em 2019, ingressaram mais criminosos nos presídios do que saíram”

Através das redes sociais, O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro destacou dados para explicar a queda da criminalidade no ano passado.

“Seguindo a orientação do presidente Jair Bolsonaro, estamos sendo firmes com o crime organizado, isolando as lideranças em presídios federais. Em 2019, ingressaram mais criminosos nos presídios do que saíram. Em 2018, havia sido o oposto”, disse o ex-juiz da Lava Jato.

“342 criminosos perigosos foram transferidos aos presídios federais em 2019. Ao final do ano, eram 624, recorde histórico. Pela lei anticrime, todas as conversas com visitantes são gravadas, o que reduz a possibilidade do envio de ordens para a prática de crimes lá fora.”

Relacionados:  Moro desmente boatos sobre saída do governo: “Compromisso permanece firme e forte”