Juiz diz que “Há fortes indícios de que os hackers investigados integram organização criminosa”

O juiz Vallisney de Souza Oliveira, que decidiu pela prisão dos quatro hackers acusados de invadir o celular de Sergio Moro e outras autoridades, afirmou que o grupo deve fazer parte de uma organização criminosa, ou pelo menos há indícios que partem para esse sentido.

“Com efeito, há fortes indícios de que os investigados integram organização criminosa para a prática de crimes e se uniram para violar o sigilo telefônico de diversas autoridades públicas brasileiras via invasão do aplicativo Telegram.”

Relacionados:  Ministro Marco Aurélio promete sabotar pacote anticrime de Moro

Conforme o caso for apurado a verdade vira à tona.

Com informação dO Antagonista.