Juiz diz que “Há fortes indícios de que os hackers investigados integram organização criminosa”

O juiz Vallisney de Souza Oliveira, que decidiu pela prisão dos quatro hackers acusados de invadir o celular de Sergio Moro e outras autoridades, afirmou que o grupo deve fazer parte de uma organização criminosa, ou pelo menos há indícios que partem para esse sentido.

Relacionados:  Paulo Guedes garante que COAF continuará comandado por 'time de Moro'

“Com efeito, há fortes indícios de que os investigados integram organização criminosa para a prática de crimes e se uniram para violar o sigilo telefônico de diversas autoridades públicas brasileiras via invasão do aplicativo Telegram.”

Conforme o caso for apurado a verdade vira à tona.

Relacionados:  Moro comemora ação com participação da PF que apreendeu 500 kg de cocaína

Com informação dO Antagonista.