Polícia Federal lança operação para combater grupos de índios que atuam extorquindo outras tribos indígenas

A Polícia Federal  deflagrou a Operação Águas Turbulentas nesta quarta-feira com o objetivo de desarmar índios que utilizam armas ilegais para extorquir outros indígenas moradores da Aldeia Água Bonita, em Mato Grosso do Sul, através de ameaças e da utilização de violência física.

Em nota, segundo o site UOL, a PF informou que 32 policiais cumprem quatro mandados de busca e apreensão na Aldeia Água Bonita, em Campo Grande. As ordens judiciais foram expedidas pela 5ª Vara Federal.

A operação foi batizada de Águas Turbulentas em alusão a atual situação da Aldeia Água Bonita.

“A Polícia Federal busca com a ação retomar a paz no local, em razão do direito à tranquilidade de toda a comunidade indígena que vive no local”, informou a corporação por meio de nota, segundo a revista ISTOÉ.

3 Comentários em Polícia Federal lança operação para combater grupos de índios que atuam extorquindo outras tribos indígenas

  1. Apenas uma extensão das milícias e facções criminosas na versão indígena.
    Quando a PF sair do local volta tudo como antes.
    Só há uma solução : prendam e coloquem em presídios todos criminosos (índios ou não).
    Se resistirem passem fogo em todos !!! O Brasil agradece !!!

Deixe uma resposta