TJ-SP ordena retirada de vídeo de Haddad ofendendo Edir Macedo

Fernando Haddad, derrotado nas urnas, réu em mais de 30 processos, e derrotado novamente.

O Tribunal de Justiça de São Paulo ordenou que o petista apague das redes o vídeo onde chama o pastor Edir Macedo de fundamentalista Charlatão. Caso se negue a cumprir, Haddad pode ser condenado a pagar R$ 5 mil por dia de infração.

Recentemente Haddad foi condenado a pagar R$ 200 mil reais a um promotor público.

Siga-nos no Facebook

4 Comentários em TJ-SP ordena retirada de vídeo de Haddad ofendendo Edir Macedo

  1. Toda e qualquer decisão judicial contra as ações desses marginais petistas é de ser considerada justa. Que moral tem um elemento do naipe de Haddad para falar mal de quem quer que seja, réu em mais de trinta processos por improbidade administrativa, tem muito a explicar antes de qualquer manifestação publica.
    L A D R Ã O ! ! !
    #PTNUNCAMAIS

  2. Decisão não se discute, se cumpre. Não quer obdc, multa no garoto, e ainda dizia na campanha dele, chega de ódio, chega de intolerância, ora tem que ser punido sim.

  3. O Poste não se cansa… Caro Haddad.. Seu sonho de tornar este país comunista ACABOU!! Isso nunca irá acontecer, sabe porque? As forças armadas neste pais são dignas, patriotas e não foram compradas como as da Venezuela..

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.