“Ninguém nunca resistiu a 2 meses de ataques da Globo. Eu já resisto há 4 anos”, diz Bolsonaro

Bonner e Bolsonaro

Bolsonaro informou na manhã desta sexta-feira (12) que pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma cópia do material da Operação Spoofing.

O motivo do pedido do presidente seria uma citação feita ao seu nome, segundo a imprensa. Sem dar muitos detalhes, o mandatário brasileiro deu a entender que o material mostraria uma suposta perseguição de autoridades do Poder Judiciário a ele e seus familiares.

“Para que não haja dúvida, mandei pedir aquela matéria hackeada que está na mão do PT, na mão do Lula. Tem meu nome lá. Alguma coisa já passaram para mim. Vocês vão cair para trás. Chegando, eu vou divulgar. O Lula não vai divulgar. Já falou que não vai. Eu vou divulgar”, disse.

“Eu vou divulgar. Você vê ali conversas de autoridades falando como é que eu trato da minha vida financeira e da minha família. Você pode investigar, mas tem que ter uma ordem judicial. Ou você respeita a lei ou não respeita, afirmou.

A Globo também entrou no radar do presidente. Logo no início da conversa, ele disse que vem resistindo à ataques da emissora há 4 anos. “Ninguém nunca resistiu no Brasil dois meses de ataques da Globo. Eu já estou há 4 anos”, disse..

 

O artigo “Ninguém nunca resistiu a 2 meses de ataques da Globo. Eu já resisto há 4 anos”, diz Bolsonaro foi publicado originalmente em Folha da República.