Petista é condenado por improbidade e Justiça Eleitoral barra posse como deputado

O petista Luiz Carlos Caetano, do PT da Bahia, foi impedido de assumir o cargo de deputado federal em 2019. Luiz já atuava como deputado e conquistou a reeleição neste ano, além disso ele também é o vice-líder do PT na Câmara.

Caetano foi condenado por improbidade administrativa na época em que foi prefeito de Camaçari, na Bahia, e com isso perdeu os direitos políticos.

O relator do caso no TSE, Admar Gonzaga, afirmou que foram encontradas provas de dano aos cofres públicos e enriquecimento ilícito.

O processo em si trata de um contrato firmado em 2007 pela prefeitura de Camaçari com a Fundação Humanidade Amiga, Fhunaml, para a confecção de 128 mil uniforme e 45 mil mochilas escolares. O valor do contrato firmado foi de R$ 1,2 milhão.

Informação dO Estadão.

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

1 Comentário em Petista é condenado por improbidade e Justiça Eleitoral barra posse como deputado

  1. SE É PETISTA É VIGARISTA É CORRUPTO E LADRÃO, MAIS UMA VEZ FICA
    PROVADO QUE TODOS OS POLITICOS DO PT ESTÃO ENVOLVIDOS EM
    CORRUPÇÃO E SUJEIRA,

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.