Barroso afirma que país não pode mudar “jurisprudência em função do réu”

Luis Roberto Barroso, o homem que tem nas mãos a chance de acabar com a farsa lulopetista, afirmou durante palestra realizada na sexta que “um pais que vai mudando a sua jurisprudência em função do réu não é um Estado democrático, mas um Estado de compadrio”

Após a afirmação, Barroso foi aplaudido em pé pela plateia de 800 pessoas que participava do evento realizado pela Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), na Bahia.

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.