IDL pede ao TSE proibição de pesquisas com Lula

O Instituto Democracia e Liberdade acabou de entrar com um pedido de liminar no TSE para que institutos não possam mais realizar pesquisas que incluem Lula entre os presidenciáveis.

Os advogados do IDL afirmam que a pratica incita na esfera de representação do eleitorado “uma informação ideologicamente falsa, um dado ideologicamente falso, uma comunicação ideologicamente falsa”.

Ou seja, essa pratica acaba contribuindo para a disseminação de “uma seriação de fake news” e produz uma “pós-verdade”.

Aguardemos o pronunciamento do TSE.

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta