Deputados colhem assinaturas para CPI que investigará as urnas eletrônicas

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e aliados estão “preparando uma peça” para abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as urnas eletrônicas do Brasil.

Segundo Eduardo Bolsonaro, a CPI seria aberta “com base nas graves denúncias embasadas no relatório da PF em que através de documentos o próprio TSE admite que o sistema foi invadido pelo menos em 2018“.

A informação foi divulgada na noite de ontem pelo deputado federal Filipe Barros (PSL-PR) e pelo presidente Jair Bolsonaro durante participação na Jovem Pan.

O TSE ainda não se posicionou sobre o assunto.