Randolfe convoca MST para ir às ruas e “pôr fim” ao governo Bolsonaro

O senador de esquerda Randolfe Rodrigues decidiu subir o tom e conspirar pela queda do governo Jair Bolsonaro. Em live nas redes sociais com integrantes do Movimento Sem Terra (MST), nesta quinta-feira (22), o vice-presidente da CPI da Covid disse que é necessário “colocar fim no governo Jair Bolsonaro” e que isso seria “uma tarefa civilizatória”.

“Não basta um ‘fora Bolsonaro’. O senhor Jair Bolsonaro e seus asseclas têm que responder pelos crimes, têm que responder pela banalidade do mal que perpetraram sobre a nossa nação. A democracia no Brasil não resiste à este mandato de Bolsonaro. Não resiste até o final deste mandato. [Devemos] ir para as ruas e colocar fim neste governo, é uma tarefa civilizatória para todos nós. Quero encontrar os companheiros e companheiras nas ruas até o fim deste governo”, disse Randolfe em tom entusiasmado na live.

Em seguida, o senador esquerdista fez acusações contra Jair Bolsonaro, a quem chamou de “ladrão”.

 

O artigo Randolfe convoca MST para ir às ruas e “pôr fim” ao governo Bolsonaro foi publicado originalmente em Folha da República.