Bolsonaro vai vetar fundão: ‘Em respeito ao trabalhador, eu não tenho o direito de aceitar isso!’

Em entrevista à Rádio Nacional da Amazônia, transmitida pela TV Brasil, o presidente Jair Bolsonaro confirmou que pretende vetar o aumento do fundão eleitoral aprovado pelo Congresso. O presidente disse: “primeiramente, o valor é astronômico. Mais de 6 bilhões de reais para se fazer campanha eleitoral”.

O presidente ainda destacou que com esse volume de recursos, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, poderia recuperar a maior parte da malha rodoviária do país; ou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, poderia terminar as obras que levam água ao Nordeste. O presidente disse: “então, é uma cifra enorme que, no meu entender, está sendo desperdiçada”.

Por fim, Bolsonaro também frisou que ele não é obrigado a sancionar os projetos que são aprovado pelo Congresso nacional.

“Nem tudo que eu apresento ao Congresso é aprovado, e nem tudo que o legislativo aprova eu tenho obrigação de aceitar” — disse Bolsonaro. “[…] A tendência nossa é não sancionar esse projeto em respeito ao trabalhador, em respeito ao contribuinte — acrescentou.

O artigo Bolsonaro vai vetar fundão: ‘Em respeito ao trabalhador, eu não tenho o direito de aceitar isso!’ foi publicado originalmente em Folha da República.

Generated by Feedzy