Deputado faz sério alerta: ‘O que o STF está fazendo não vai acabar bem’

O deputado federal Paulo Eduardo Martins (PSC-PR) manifestou repúdio à decisão do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), em ampliar a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro a todos os processos da Lava Jato contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, fazendo com que todas as ações voltassem à estaca zero. Deixando o caminho livre para Lula se candidatar, mesmo após ter cumprido tempo na cadeia e ter sido condenado por diversos juízes de primeira e segunda instância.

O deputado federal, que atualmente preside a comissão do voto impresso, afirmou que decisões do STF podem trazer consequências ao país.

! O que o STF está fazendo com o Brasil não vai acabar bem. Nenhuma super concentração de poder e a ausência de moderação em seu exercício acaba bem. Não é mera opinião pessoal, é a história!, escreveu o parlamentar.

A decisão de Gilmar em favor de Lula é considerada “o golpe final” na Operação Lava Jato, antes tida como referência no combate à corrupção no Brasil.

O artigo Deputado faz sério alerta: ‘O que o STF está fazendo não vai acabar bem’ foi publicado originalmente em Folha da República.