Bolsonaro faz grave alerta aos prefeitos que querem fechar o comércio: ‘o governo federal não terá mais como socorrer os necessitados’

Bolsonaro

Presidente avalia que o país não tem mais condições de se endividar após imensos aportes para garantir auxílio emergencial para todos.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira, 4, em Salvador, que se a economia for fechada de novo por causa da pandemia do coronavírus, o governo não terá mais como socorrer os necessitados.

“Os números de agora há pouco é de que o Brasil está voltando à normalidade, mas não podemos fechar de novo tudo”, afirmou na 113ª e 114ª Assembleia Geral Ordinária da Convenção Estadual das Assembleias de Deus na Bahia (Ceadeb).

Relacionados:  Bolsonaro encerra live semanal prestando solidariedade aos familiares das vítimas do Coronavírus

Bolsonaro disse que o “fique em casa” só não foi mais danoso porque a administração federal tomou medidas. Ele citou o auxílio emergencial para 38 milhões de trabalhadores que viviam na informalidade, o socorro às pequenas e médias empresas e a ajuda aos governos dos Estados. Bolsonaro disse que, assim, foi evitado o “caos social”.

Fonte Estadão