Sikêra fala de suposta ação do PSOL no STF que pode liberar ideologia de gênero, partido nega

Sikera Junior

O apresentador Sikêra Júnior, fenômeno de audiência da REDETV! com seu programa ‘Alerta Nacional’ disse na última segunda-feira (26), que o PSOL acionou o Supremo Tribunal Federal (STF) para liberar a ideologia de gênero em todo o país.

Segundo Sikêra Júnior, ”o partido entrou com recurso no STF para obrigar o ensino e a promoção da ideologia de gênero em TODAS as escolas do Brasil”.

De acordo com Sikêra Júnior, o PSOL estaria, “mais uma vez, lutando contra as famílias e as crianças do país”.

A mais nova batalha travada no STF envolvendo a Ideologia de Gênero está marcada para o dia 11 de novembro. Estão pautadas para este dia ações que discutem a constitucionalidade de leis municipais e estaduais que proíbem a inclusão de expressões relacionadas à ideologia, identidade e orientação de gênero nas escolas públicas. O tema é objeto da ADPFs 462, 466 e 578, bem como da ADI 5668.

Relacionados:  Lacombe dispara: “Parte da mídia se comporta como um partido político derrotado”

Em nota, o PSOL negou tal informação:
“Mais uma vez o PSOL foi surpreendido com a disseminação de notícia falsa e criminosa a seu respeito. No último dia 26, o apresentador Sikêra Jr., da Rede TV, afirmou que o partido entrou com recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) para “obrigar o ensino da ideologia de gênero nas escolas brasileiras”, além de chamar os membros do PSOL de ‘bando de pedófilos”.

O PSOL já está tomando as medidas necessárias para interromper a disseminação da informação falsa e processará civil e criminalmente o referido apresentador, bem como demais pessoas e veículos de comunicação envolvidos.