Governo deve avançar privatização dos Correios nas próximas semanas

Guedes correios

O governo de Jair Bolsonaro vai encaminhar ao Congresso nas próximas semanas projeto de lei regulamentando a prestação privada dos serviços postais, cuja aprovação é passo necessário para a desestatização dos Correios, afirmou nesta terça-feira a secretária especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Martha Seillier.

Em evento virtual promovido pelo banco Santander, Seillier afirmou que a privatização da PPSA, estatal que representa a União na gestão dos contratos de partilha do pré-sal, também demandará medidas legislativas, destaca a Revista Exame.

As duas empresas, ao lado da Eletrobras, foram apontadas como prioridades do programa de privatização sob o comando do ministro da Economia, Paulo Guedes, adepto do liberalismo econômico.

Relacionados:  Governo determina que juros do cheque especial sejam de no máximo 8% ao mês

Seillier classificou como “míopes” críticas ao andamento da agenda de desestatização no governo Jair Bolsonaro, destacando que no último ano e meio o número de estatais incluídas no PPI ou no Programa Nacional de Desestatização passou de um para 17, de um total de 46 estatais. O que já aliviou e muito o tamanho do estado brasileiro, considerado inchado.