A jornal britânico, Moro afirma que foi usado por Bolsonaro

MOro Bolsonaro

Ao jornal britânico Financial Times, o ex-ministro da Justiça afirmou que o governo de Jair Bolsonaro usou sua presença na equipe ministerial como desculpa para demonstrar que as medidas anticorrupção estariam sendo tomadas. A agenda anticorrupção, segundo o ex-ministro tem sofrido diversas alterações desde 2018, quando o presidente da República foi eleito.

O ex-juiz da Operação Lava Jato ressalta que uma das razões para ter saído do governo foi que Bolsonaro “não estava se fazendo muito [pela agenda anticorrução”. E arrematou: “Eles estavam usando minha presença como desculpa, então eu saí. A agenda anticorrupção tem sofrido reveses desde 2018”, pontuou.

Sergio Moro também relembrou a troca do diretor da Polícia Federal, um dos estopins para catapultar sua saída do ministério. “Ele mudou o diretor da Polícia Federal sem pedir minha opinião e sem uma boa causa. Não acho que dá para combater corrupção sem respeitar a lei e a autonomia das instituições que investigam e denunciam crimes”, salientou.

Relacionados:  "Contratar um hacker para violar o sigilo de autoridades revela o desespero do crime organizado".

Fonte: Diário de Goias