Mourão diz ser exagero a prisão de Sara Winter e demais ativistas: ‘Em 2014, a turma invadiu o STF e só foi autuado’

Mourão

O vice-presidente da República, General Hamilton Mourão, classificou como “exagero” a prisão da ativista Sara Winter e de outros apoiadores do presidente da República, Jair Bolsonaro, destaca o UOL.

à TV Record, Mourão falou sobre a prisão de membros do movimento “300 do Brasil”, liderados pela ativista Sara Winter: “Aquela turma ali da Sara Winter e companhia limitada… essa turma é inofensiva, é um pessoal mais de coreografia.”, disse.

O general disse ser um ‘exagero’ a prisão de manifestantes: “Eu acho que é um exagero prender esse pessoal, até porque, vamos lembrar, em 2014, a turma invadiu o STF e só foi autuado. Acho que deve aplicar multa, responder a processo em liberdade ou distribuir cesta básica.”

Relacionados:  Alto Comando do Exército preocupado com a soltura de Lula e protestos da esquerda no continente

Sara Winter foi presa pela Polícia Federal durante uma operação no início da semana passada. Outros cinco mandados de prisão também foram expedidos pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, na ocasião por supostos atos ilegais e ameaças à Corte.