Bolsonaro: “É o povo que diz o que instituições devem fazer e não o contrário”

Bolsonaro

O presidente da República Jair Bolsonaro durante a cerimônia de posse do ministro das Comunicações, Fábio Faria, aproveitou para para mandar um recado ao STF.

“Não são as instituições que dizem ao povo o que ele deve fazer, mas o povo que diz às instituições o que elas devem fazer”, discursou o presidente para uma plateia que contava com diversas autoridades e também com o presidente do STF, ministro Dias Toffoli.

Desde a noite dessa terça-feira, o presidente Jair Bolsonaro vem reiterando recados dirigidos ao Supremo Tribunal Federal. Primeiro, que iria tomar medidas legais, em post no Twitter. Para em seguida, anunciar, na manhã de hoje, ao responder a uma apoiadora, que “está chegando a hora de tudo ser colocado no lugar”.

A Crise entre Bolsonaro e o STF se intensificou com a suspensão da nomeação de Ramagem para o cargo de Diretor da Polícia Federal, posteriormente o inquérito das Fake news atingiu aliados do presidente a crise tomou novos contornos.

Relacionados:  Jogador do São Paulo, Alexandre Pato, manifesta apoio a Bolsonaro: “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”

Novos Ministro

O deputado federal Fábio Faria esta quarta-feira, o ministério das Comunicações, e começou o seu discurso retirando a máscara que usava, agradecendo ao presidente Jair Bolsonaro a nomeação para assumir a pasta. “Espero estar à altura do cargo”, disse.

Faria aproveitou também para agradecer à mulher, Patrícia Abravanel, filha do apresentador Sílvio Santos, o apoio para assumir o cargo e “ servir ao meu País”. “É uma missão que está acima de qualquer coisa”, justificou o novo ministro.

Ele encerrou o discurso citando um versículo bíblico: Permanecem agora três coisas: a fé, a esperança e o amor. Porém, o maior deles é amor e que ele possa nos unir pelo bem do Brasil”.

Com informações do Estado de Minas