Janaína Paschoal cobra pedido de desculpas da Globo sobre detenta Suzy

janaina paschoal

Após a revelação de que a detenta Suzy, abraçada por Drauzio Varella no programa Fantástico cometeu um crime bárbaro, a jurista e deputada Janaína Paschoal defendeu que a Rede Globo faça um pedido de desculpas à família da vítima.

“Quero ver se o Fantástico vai pedir desculpas à família da criança vítima! A globo deve completar a matéria, para deixar claro que a pessoa que violentou e matou a criança não recebe visitas não por ser quem é, mas por ter feito o que fez! Generalizações geram injustiça!”, afirmou.

Janína também comentou sobre a dor da família que teve um garoto de 9 anos assassinado pela transexual: “Imagino a dor da família da vítima, ao sofrer uma segunda injustiça! A pessoa algoz retratada como a vítima da história! Francamente! Solidariedade a esta família duplamente agredida!”, argumentou.

Relacionados:  “Se a eleição fosse hoje, votava em Bolsonaro”, diz Janaina

Entendendo o caso:

O Portal O Antagonista confirmou que a transexual Suzy, apresentada como vítima de solidão, em reportagem de Drauzio Varella no Fantástico, foi condenada por estuprar e estrangular um garoto de 9 anos. Segundo o site, o transexual teria deixado o corpo da criança apodrecer em sua sala por 48 horas.

Juízes criminais levantaram a ficha de Suzy de Oliveira, cujo nome de batismo é Rafael Tadeu de Oliveira dos Santos. A transexual está presa desde 2010, destaca reportagem.