União Nacional dos Juízes Federais pede ao MP denúncia de Cid Gomes por tentativa de homicídio qualificado

Cid Gomes Retroescavadeira

A União Nacional dos Juízes Federais do Brasil (Unajuf) pede ao Procurador Geral da República, Augusto Aras o oferecimento de uma denúncia contra Cid Gomes por tentativa de homicídio qualificado, assinala O Antagonista.

A associação de magistrados afirmou que houve“intenção dolosa, previamente orquestrada e amplamente anunciada”, “emprego de meio resultante em perigo comum” e “impossibilidade de defesa das vítimas”.

Eles ainda afirmaram que Cid Gomes ameaçou os policiais em greve antes de avançar sobre eles com a retroescavadeira, quando pegou o megafone e disse que eles teriam “cinco minutos pra pegarem os seus parentes, as suas esposas e seus filhos e sair daqui em paz”.

“O próprio meio utilizado pelo autor do fato (um potente trator), com aparente descaso para com a vida das pessoas indica um real e potencial risco do evento morte daqueles que ali estavam , eis que jogou dolosamente um trator em cima de diversas pessoas, sem que isso importasse quanto ao resultado ao Senador”, afirma a representação.

A Unajuf também defende os policiais que atiraram contra Cid Gomes, argumentando que eles agiram em legítima defesa e com êxito, uma vez que não mataram o senador.

Segundo a entidade, eles fizeram cessar a carnificina eminente e, com os tiros, frearam a conduta hedionda do senador, que colocou a vida de policiais e familiares em risco.

A associação pede que a denúncia seja submetida ao STF, que poderá decidir se remete o caso a um tribunal do júri, de primeira instância.