Governo planeja privatizar Correios e EBC até janeiro de 2022

O Ministério da Economia, sob o comando de Paulo Guedes, quer privatizar os Correios até dezembro de 2021, e a EBC (Empresa Brasileira de Comunicação), até janeiro de 2022, informa o site Poder 360.

O plano de privatizações foi divulgado pelo secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia, Salim Mattar.

Outras 14 estatais estão listadas no cronograma de desestatização do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), incluindo empresas do PND (Plano Nacional de Desestatização) e do PPI (Programa de Parcerias para Investimentos).

Relacionados:  Governo Bolsonaro vai intensificar privatizações e resolver economia

Em 2020, o governo planeja ainda conseguir privatizar a ABGF (Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias), em agosto; a EMGEA (Empresa Gestora de Ativos), em outubro; e a Casa da Moeda do Brasil, em dezembro.