Bolsonaro descarta fatiar Ministério de Moro

Após o assunto ter crescido nas redes sociais e na imprensa, o presidente da República, Jair Bolsonaro, garantiu, nesta sexta-feira (24), que está descartada a possibilidade de recriar o Ministério da Justiça e Segurança Pública e desta forma fatiar os poderes do Ministro Sergio Moro, que vem apresentando números impressionantes na queda da criminalidade.

Ao chegar em Nova Déli, capital da Índia, para uma viagem oficial, o presidente disse que a chance de desmembrar a pasta comandada pelo ministro Sergio Moro é “zero”.

Relacionados:  Moro: “Sem combate à corrupção, não há democracia”

Anteriormente, Bolsonaro divulgou que Secretários de Segurança dos Estados haviam feito esta solicitação e ele iria analisar.

Em conversa com jornalistas, hoje Bolsonaro declarou:

“O Brasil está indo muito bem. Segurança pública, os números indicam que está indo no caminho certo, e a minha máxima é: em time que está ganhando não se mexe.”

“Lógico que está descartado. Nem precisava responder. A chance no momento é zero. Tá bom ou não? Tá bom, né? Não sei amanhã. Na política, tudo muda, mas não há essa intenção de dividir [o Ministério da Justiça]. Não há essa intenção.”