Atriz Jane Fonda incentiva ‘desobediência civil’ no Brasil contra ‘queimadas na Amazônia’

A atriz e militante climática, Jane Fonda, 81 anos, fez uma convocação por desobediência civil no Brasil durante entrevista ao programa “Fantástico” deste domingo,

A americana disse que sentia muito orgulho de ter sido detida algumas vezes pelas autoridades em protestos contra as mudanças climáticas nos EUA

Durante sua entrevista, a ativista acusou o presidente da República, Jair Bolsonaro, de estar permitindo queimadas na Amazônia:

“Vocês no Brasil estão na mesma situação que nós aqui. Vocês têm a Floresta Amazônica, que o presidente está permitindo que seja queimada. Então, a desobediência civil é uma coisa que vocês também podem fazer.”

A atriz ainda ressaltou que em sua opinião o governo brasileiro estaria disposto a usar violência contra os eventuais ‘desobedientes’ que tentassem:

“Mas eu reconheço que é mais difícil porque o governo brasileiro está disposto a usar violência.”