“Por lealdade, jamais poderia concorrer contra Bolsonaro”, diz Moro

Em entrevista ao Jornalista Boris Casoy na Rede TV!, o ministro da Justiça, Sergio Moro, foi questionado sobre como reagiria se Jair Bolsonaro o convidasse para sucedê-lo na Presidência da República, como tem sido alardeado pela mídia, o ex-juíz da Lava Jato  respondeu:

“Vim ao governo a convite do presidente Jair Bolsonaro e ele mesmo mencionou que vai ser candidato à reeleição, então eu jamais poderia concorrer contra uma pessoa que me convidou, até por uma questão de lealdade”

“Acho que não vale a pena a gente ficar antecipando o futuro, o importante é fazer um bom trabalho como ministro. É isso que estou fazendo.”