Vaccari e Delúbio agora trabalham juntos na CUT

Depois de quatro anos preso em Curitiba, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto assumiu um emprego na CUT do Paraná, a entidade sindical que é ligada ao PT. Na mesma sede da CUT e – coincidentemente – na mesma sala, Delúbio Soares também está empregado.

Vaccari agora divide uma pequena sala com o colega petista, que também passou a dar expediente na CUT do Paraná desde que deixou a prisão, após ser condenado por lavagem de dinheiro.

Vaccari cumpre pena em regime semiaberto. Condenado pelo crime de corrupção passiva, ele deixou a prisão após ser beneficiado por um indulto natalino. O ex-tesoureiro recebeu o perdão em um processo no qual foi condenado a 24 anos de prisão, por ter intermediado propinas por meio de doações ao PT de US$ 4,5 milhões do estaleiro Keppel Fels.

Gleisi e Haddad já visitaram a dupla na CUT…

Dois ex-tesoureiros do PT, enfim, juntos no sindicato.

Com informações d’O Globo