Direto da cadeia, Lula chama Moro de “canalha” e “mentiroso”

O presidiário Luiz Inácio Lula da Silva, em entrevista a um jornal argentino criticou a TV Globo e chamou o ex-juiz da Operação Lava Jato, responsável por sua prisão e hoje ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro de “canalha” e “mentiroso”.

“No dia em que eu parar de acreditar na Justiça, fico imaginando o que vou fazer. Não é porque um juiz [Moro] tenha sido um canalha que você deve julgar toda a Justiça por causa desse erro”, disparou o condenado por corrupção aos argentinos.

O ex-presidente preso ainda aproveitou pra criticar a Globo e atacar a Lava Jato, que tem prendido condenados por corrupção, como o próprio Lula. “Há dez anos, ela [Globo] conta mentiras sobre mim. Há uma grande pressão da imprensa brasileira, especialmente da Globo, para que Lula não saia da prisão. Porque o grande problema da operação Lava Jato é que ela deixou de ser uma operação de investigação de corrupção e se tornou um partido político”

Para concluir, Lula ainda diz que “Deus sabe que ele fala a verdade”:

“Eu poderia ter deixado o Brasil, mas vim aqui porque têm quatro pessoas que sabem a verdade sobre esses processos contra mim: eu, Deus, o juiz e o promotor. Eles sabem que mentem. E Deus e eu sabemos que estou com a verdade”.