No senado, Reforma da Previdência desidrata para R$ 876 bilhões de economia

As projeções do governo apresentadas pelo secretário especial da Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, mostram economia para a União com a aprovação da reforma da previdência. Segundo ele, seriam agora de R$ 876 bilhões em 10 anos.

Com o texto aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do senado, a reforma perdeu impacto de economia nos cofres públicos pois antes das alterações feitas no Senado, a economia prevista com o texto aprovado pela Câmara dos Deputados era de R$ 933,5 bilhões.

O Secretário Rogério Marinho afirmou que trabalhará para reverter no plenário do Senado os pontos retirados da reforma da Previdência pela Comissão de Constituição e Justiça.

Com informações da Gazeta Web