Ministro Ricardo Salles diz que ‘mentalidade sindicalista arrebentou o Brasil’

Em almoço promovido pelo LIDE (Grupo de Líderes Empresariais) o Ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente, afirmou: “Tivemos governos anteriores que incharam a máquina pública, contrataram políticas públicas, uma serie de despesas, sem preocupação com meritocracia e metas. Essa mentalidade sindicalista arrebentou nosso país.”

Ricardo Salles, culpou a mentalidade sindicalista dos governos anteriores pelo inchaço da máquina pública brasileira. Segundo o Ministro, este comportamento afetou duas das principais instituições ambientais brasileiras, o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) e a ICMbio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade).

Segundo o UOL, O ministro negou que o governo venha “desmontando” a estrutura ambiental do Brasil. “Não houve nenhuma medida de desmonte ambiental, flexibilização. O Brasil segue fazendo todas as medidas de cuidado de antes”, afirmou o ministro, para quem há uma “agenda” nos últimos meses “contra a imagem do agronegócio brasileiro no exterior”. “É absolutamente irrealista. Os fatos não sustentam essas versões.” Sem dar nomes, ele disse que “não é verdade que [o governo] foi condescendente a atos criminosos na área ambiental”. “Mas há pressão crescente de quem vive na Amazônia que quer produzir e prosperar. Temos de ouvir com alternativa de desenvolvimento sustentável.”