Firme e forte, Lava Jato entra com nova ação contra Paulo Preto

A Lava Jato São Paulo, assim como a do Paraná e a do Rio de Janeiro, segue firme e forte.

Nesta sexta-feira, a operação entrou com uma ação de improbidade administrativa contra Paulo Preto e Mário Rodrigues Júnior, ex-diretores da DERSA.

Além deles, outras 18 empreiteiras também foram acusadas e o MPF alega prejuízo de R$ 593 milhões e pede o ressarcimento dos acusados.

Relacionados:  "Os inimigos da Lava Jato vão passar mais um dia sem nada relevante e seus bandidos de estimação continuarão na cadeia"

Com informação dO Globo.