Câmara aprova Lei de Abuso de Autoridade

No fim da noite de quarta-feira, a Câmara dos Deputados aprovou a Lei de Abuso de Autoridade, que tipifica mais de 30 crimes de abuso de autoridade.

O projeto, que já foi aprovado no Senado, seguirá agora para Jair Bolsonaro, que poderá sancionar ou vetar.

Um dos pontos aprovados na Lei, é o de que policiais, juízes ou procuradores que reincidirem em crime de abuso de autoridade perderão seus cargos.

Com informação dO Antagonista.

4 Comentários em Câmara aprova Lei de Abuso de Autoridade

  1. Pobre povo brasileiro. Merece o governo que tem. São alienados politicamente e facilmente manipulados pela mídia e por qualquer político que tem o dom da palavra e um pouco de poder de persuasão. Eles são bons nisso.

    Os eleitores ignorantes e às vezes sem princípios e até sem informação por não se interessar sobre o assunto, colocam os corruptos no congresso. Embora a imprensa informando e expondo todos os seus crimes e falcatruas, mas mesmo assim, esses miseráveis insistem em votar e reeleger os mesmos canalhas.

    Um exemplo disso foi a reeleição do Maia, Alcolumbre, Gleisi Hofmann, Aécio e todos os sujeitos que votaram a favor dessa patifaria imposta ao povo. Infelizmente, nesse arremedo de país têm muita gente decente e que paga pela ignorância e estupidez de eleitores sem noção e cultura, por reeleger principalmente, um cara delatado na lava jato, e o pior, outros da mesma raça o elegem presidente da câmara.

    Espero que todos tenham consciência e pressionem via twitter ou nas ruas, o Pr Bolsonaro para vetar esse absurdo.

    Quem tem um pouquinho de bom senso e visão sabe que somente através de uma Intervenção Militar poderemos nos livrar da corrupção sistêmica e desse congresso e do STF que querem manter o gado quieto no curral, para continuarem com as mordomias e todo tipo de interesse escusos que acabam com a qualidade de vida do povo.

  2. Este Congresso Nacional é uma vergonha. Todos uns canalhas. Abuso de autoridade? É ter vocês como corruptos, ladrões no congresso. Somos todos Sérgio Moro, somos todos Deltan Dallagnol, somos todos Lava Jato. #VETABOLSONARO esta afronta aos brasileiros de bem e honestos do Brasil.

  3. Parabéns Regina Sim… faço minhas suas palavras! Isso lembra a atual constituição! A lei de imunidade parlamentar, foro privilegiado e outras cositas mais entraram na regra justamente porque quem montou a constituição na época pensava em si! Ou seja, a história se repete!!

Deixe uma resposta