Bolsonaro denuncia farra das indenizações para anistiados

Jair Bolsonaro, o presidente do Brasil, usou o Twitter hoje para denunciar a farra das anistias para aliados dos petistas entre 2003 e 2016.

Até hoje, a União gastou R$ 9,9 bilhões com indenizações e pensões pagas a anistiados “políticos.” Dinheiro suado, do povo ordeiro e trabalhador, pago a 39.370 pessoas ditas perseguidas e autointituladas defensoras da democracia”, disse ele.

E continuou: “Nunca no mundo um país foi tão roubado quanto o Brasil na era PT (2003 a 2016) por um projeto de poder e enriquecimento”.