Glenn admite que a fonte foi presa pela Polícia Federal,depois nega que tenha admitido

O advogado esquerdista Glenn Greenwald, responsável pelo vazamento de mensagens obtidas de modo criminoso e possivelmente adulteradas, descreveu como “nova e verdadeira” a informação que foi publicada pela Folha que afirmava que Walter Delgatti Neto, um dos hackers preso ontem, lhe encaminhou as mensagens.

Mais importante: “Os contatos com Greenwald, segundo o preso, foram virtuais, somente pelo aplicativo de conversas Telegram, e ocorreram depois que os ataques aos celulares das autoridades já tinham sido efetuados.” Exatamente que falamos desde o começo”.

Minutos depois, Glenn tuitou que não estava afirmando que Walter é sua fonte: “Para ser claro, não estou afirmando que a pessoa acusada pela PF é de fato nossa fonte. Nós não comentamos sobre nossas fontes. Eu estou apenas destacando o que a pessoa que PF e a Folha disseram ser a nossa suposta fonte.”