Advogado entra com ação na Justiça e pede a extinção do PT por subordinação ao Foro de São Paulo

O advogado Vlailton Milani Viegas Carbonari entrou com um pedido de extinção do PT no TSE.

O pedido de Carbonari se baseia no fato de o Partido dos Trabalhadores ser subordinado aos interesses do Foro de São Paulo, organização estrangeira, o que é vetado pela legislação brasileira.

Essa não é a primeira vez que é apresentado um pedido de extinção do PT com base na subserviência à entidade. Outro pedido, já em andamento, foi feito pelos juristas Modesto Carvalhosa e Luiz Carlos Crema.

Com informação do Renova Mídia.