Projeto aprovado em comissão do Senado permite demissão de funcionário público ineficiente

A Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou uma PL que regulamenta as demissões de funcionários públicos concursados, caso sejam insuficientes no desempenho da função.

Agora, a PL poderá ser encaminhada diretamente ao plenário da Casa, e a relatora do projeto, Juíza Selma, do PSL, apresentou um requerimento de urgência.

Atualmente, os servidores públicos que atingem três anos de serviços adquirem estabilidade, e só pode ser demitidos por decisão judicial ou processo administrativo disciplinar. Com a PL, essa regra muda.

 

6 Comentários em Projeto aprovado em comissão do Senado permite demissão de funcionário público ineficiente

  1. Saem os vagabundos e entram os competentes que querem trabalhar pelo Brasil. Acho justo!
    E tem muito funcionário público bom! Dá gosto de pagar a remuneração dessas pessoas. Que seja assim com todos.

  2. Funcionário que não funciona tem de ser trocado ; O dinheiro público tem de ser remunerado com um trabalho digno.
    E os dias parados por questões outras que não trabalhistas, não só nos funcionários públicos, mas com todos os que trabalham, devem ser descontados para que haja real legitimidade na participação !

  3. Servidores podem ser vítimas de perseguições políticas. É bom deixar clato que quem comanda uma administração pública é um determinado partido político ,como sempre, corrupto.

Deixe uma resposta