Tite, lulista de carteirinha, teve que se render ao presidente Bolsonaro

Uma cena bastante estranha ocorreu na cerimônia de premiação da Copa América neste domingo.

Tite, que é lulista de carteira, precisou aceitar que o Presidente da República é Jair Bolsonaro e não Lula, e que a premiação seria entregue por Jair.

Um ponto interessante de se analisar, é que Bolsonaro fez questão de cumprimentar Tite, embora o técnico tenha agido de maneira bastante estranha na presença do presidente.

Tite é um defensor histórico do corrupto Lula, talvez a ‘amizade’ entre eles começou quando o tecnico estava no Corinthians. Na época Lula fez empreiteiras beneficiarem o clube.

14 Comentários em Tite, lulista de carteirinha, teve que se render ao presidente Bolsonaro

  1. Jair Messias Bolsonaro é um lorde mesmo! Depois da desfeita que Tite já fez com ele – Bolsonaro, na maior humildade, vai lá e parabeniza o Tite! É bíblico: os humildes serão levantados por Deus!

  2. Cada dia que passa mas admiro a pessoa Jair Messias Bolsonaro, com certeza é um homem de Deus, parabéns ao nosso melhor presidente da istória brasileira!

  3. Esse tal de “tite” ainda representa o Brasil de um passado rescente….não vejo jogo da seleção, pois, é um time robotizado ….pra américa do sul dá pro gasto….agora! em copa do mundo vai penar….acho que é mal daqueles que adotam a linha de pensamento de petista, sobretudo….

  4. Acho que a Seleção ainda é uma coisa nossa, representa o Brasil, especialmente sem o Neimar. Seu técnico porém deveria ter postura de brasileiro, ser neutro em eventos. Se ele prefere o Ladrõa , ao invés de quem está tentando arrumar o País é problema dele. O Daniel Alves deu de dez nele o chamar o Prresidente para a foto com a Taça e o grupo. A festa foi onde deve ser, e não recepção no PALÁCIO DO PLANALTO

  5. O respeito por um Presidente eleito democraticamente pela grande maioria da população brasileira é um dever, assim como respeitamos os presidentes anteriores, embora não tenham merecido, mas o respeito sempre houve…

Deixe uma resposta